Slider (Add Label Name Here!) (Documentation Required)

Ela

Apresenta ser uma brisa do verão mas no entanto tornou-se numa pessoa de gelo, olhos de cristal. Deixava-te cego pela luz que refletia, a beleza mais pura que o ser humano comprovou.
Consumia-te por completo, nunca te importaste. Deixava-te extasiado sem proferir um único som. Não te deixava falar mas ouvia o teu corpo, este gritava arduamente por ela. A rapariga deixava-te doente. Na sua presença sentias-te vivo e ao mesmo tempo sentias que a morte te batia à porta sem qualquer piedade.
Ela vai-te partir o coração e eu ainda nem tive tempo para acabar de escrever o que sentias...

0 comentários:

Enviar um comentário