Slider (Add Label Name Here!) (Documentation Required)

Opções

Deitei-me numa cama de mentiras, o habitual. Relações feitas de "olá" calorosos e "adeus" sem sentido. No fim restam lágrimas e rancores.
Tantos pesadelos estas noites. Tantas palavras infetadas de ódio em todas aquelas discussões e batalhas que não soube travar. Tantos sorrisos entre beijos. Tantas tentativas...
A tua mão a pentear o meu cabelo, a deixar-me as defesas em baixo. Não foste justo comigo quando usaste os meus pontos fracos para ter benefício.
Maior parte das vezes eu não quero saber, não têm importância. Já-me conheces, sabes como eu sou. Cabelo arranjado na perfeição, roupa espalhada pelo chão.
Tu pedias, eu dava.
Não querias rótulos, eu respeitava.
Deste-me opções, eu escolhi sempre a errada... até que escolhi a certa.

0 comentários:

Enviar um comentário